Perfumes: Frascos elegantes, fragrâncias variadas e auge em Florença e Paris.

Traduzir:

Na Itália, o lado artesanal e na França, reina o comercial De acordo com vários registros históricos, o perfume surgiu no Egito e sua função, sempre foi simplesmente de perfumar, deixar as pessoas e os ambientes mais cheirosos e agradáveis. Atualmente, é raro encontrarmos uma grande marca de luxo ou Premium, que não tenha em sua gama de produtos, belas fragrâncias para homens e mulheres. No mercado mundial, existem perfumes com valores acima de milhões de dólares, com embalagens nobres e frascos, que são joias, compostas de ouro ou cravadas com centenas de diamantes.

Foto

divulgação

Colocando uma “essência” em nosso artigo, a região mais indicada para se aprofundar no mundo dos perfumes, é Florença, na Itália, com suas antigas farmácias, com prateleiras de vidro e balcões de madeira, comercializando e fabricando esses produtos, seguindo tendências seculares. Um dos endereços mais emblemáticos em Florença, é a Santa Maria Novella, existente desde 1.612, em um imponente prédio. Turistas procuram os perfumes na loja, o ano inteiro, mas ainda há outros endereços interessantes pela cidade.

Outro rota europeia importante de perfumes, é a capital francesa, Paris, que reúne as principais boutiques e galerias, que vendem fragrâncias francesas e de todo o mundo, com destaque para a Le Bon Marché, Galeries Lafayette e a Le BHV Marais.